Anatomia da ATM

Anatomia da ATM

Muita gente me escreve perguntando o que fazer porque a “boca travou” e não consegue abrir, portanto resolvi escrever este texto na tentativa de orientar melhor que está passando por esta situação.

O travamento da mandíbula com a boca fechada ou apenas uma abertura reduzida  é uma situação relativamente comum, algumas vezes provocando muita dor quando a pessoa tenta abrir de maneira forçada, mas em muitos casos pode não provocar dor.

Esses travamentos com a boca fechada podem ter muitas causas distintas: pode ser um trismo de origem muscular (escreverei sobre isso em outra postagem), pode ser uma anquilose ou artrofibrose, entre outras, mas uma das causas mais comuns, é quando o disco articular, uma espécie de menisco, que existe entre um osso e o outro da articulação (é o que aparece em azul no desenho acima) se desloca de sua posição e se transforma em um obstáculo ao movimento da articulação, uma espécie de trava.

Muitas vezes, o travamento acontece depois da pessoa sentir uma dor forte, que pode eventualmente até passar rapidamente. Isso acontece quando algum dos ligamentos que sustentam esse disco no lugar, foi distendido ou rompido, e assim como ocorre em outras articulações, é normalmente bastante doloroso.

Antigamente, um dos tratamentos mais recomendados para essa situação era a realização de manobras para recuperar a abertura da boca, de maneira que a abertura era  forçada gradualmente com os dedos, as mãos ou espátulas, enquanto o profissional minimiza  a dor com bolsa de gelo ou spray frizante.  Recentemente essa técnica foi “reinventada” utilizando-se uns dispositivos mecânicos que lembram um macaco hidráulico que utilizamos para levantar o carro e trocar o pneu.

Dispositivo mecânico para abertura da boca

Dispositivo mecânico para forçar a abertura da boca

Esse tipo de técnica era bastante utilizado no século passado e partia do pressuposto de que esse alongamento forçado, terminaria de afrouxar o ligamento, produzindo a longo prazo uma formação de um tecido no lugar do disco.

Atualmente sabemos que essa técnica, seja feita com os dedos (a chamada manobra bidigital) ou por uma “mini macaco hidráulico”,  nada mais faz que romper ou distender os ligamentos internos e produzir ainda mais danos à articulação. Se por um lado é fato que a dor ao abrir a boca melhora e a pessoa passa a abrir mais a boca, por outro, cria todas as condições necessárias para o estabelecimento de patologias ainda mais graves, como a osteoartrose, e o aparecimento ou agravamento  de outras dores, que não na região da própria ATM, especialmente a DOR DE CABEÇA e certas DORES CERVICAIS.

Para quem já passou por muitas tentativas de tratamento deste tipo de travamento da mandíbula ou tem a abertura da boca limitada é importante saber que existe tratamento corretivo da ATM, sem cirurgia,  que recupera o funcionamento do disco articular e a abertura da boca sem correr o risco de agravar o problema e produzir uma osteoartrose.

Fique esperto.